26 outubro 2021

Planejamento Financeiro Familiar: aprenda como fazer!

Uma família verdadeiramente unida não apenas faz viagens junta, mas também sabe controlar os gastos. A nova tendência, que se mostra bastante positiva, é o planejamento financeiro familiar, que pode proporcionar inúmeras vantagens a longo e a curto prazo. Independente de qual meta seja estabelecida, todos precisam estar juntos.

Cortar um gasto desnecessário ou simplesmente reduzir o uso de energia, por exemplo, podem ser bons indicativos para melhorar na economia da sua casa. Conheça, abaixo, tudo o que você precisa saber sobre esse tipo de planejamento e como implementá-lo ao lado dos familiares.

O que é um planejamento familiar financeiro?

O planejamento financeiro familiar nada mais é do que uma projeção de gastos e receitas de uma única família, capaz de permitir uma maior visibilidade do panorama detalhado de toda a situação econômica do lar. Por isso, é preciso que todos estejam juntos nessa jornada que, de início, não parece nada fácil.

Por meio desses detalhes, é possível identificar para onde o seu dinheiro está indo. Dessa maneira, fica ainda mais simples encontrar as medidas que precisam ser tomadas para estabelecer um controle de gastos e, consequentemente, evitar a utilização do montante familiar em áreas que não trazem nenhum retorno positivo.

De uma maneira geral, é possível ver o planejamento financeiro familiar como uma espécie de ferramenta que auxilia no entendimento da educação financeira. Assim, uma chance para os membros daquele lar de mudarem sua relação com o dinheiro será oferecida.

Por que se planejar financeiramente?

É importante saber que o planejamento familiar não é uma maneira que possui como único objetivo fazer com que os gastos sejam controlados. Também é uma oportunidade de se aproximar dos membros da família e ter um momento de interação que, consequentemente, poderá gerar maior intimidade.

Além disso, é possível decifrar os números que entram na conta da casa todo mês. Identificar as despesas principais, como contas de luz, água, plano de saúde e internet se faz extremamente necessário para garantir um maior controle e, também, saber o que pode ser dispensado a curto ou a longo prazo.

Após descobrir como fazer a organização financeira do lar, fica ainda mais simples economizar e colocar os pés no chão. Reúna a sua família e comece a propor a ideia para promover uma maior integração entre os familiares e, consequentemente, promover a união.

Vantagens de economizar

Existem muitas vantagens que estão por trás desse tipo de planejamento. Além de evitar gastos desnecessários, é muito provável que você acabe:

  • conhecendo melhor a sua realidade financeira e entenda para onde vai o dinheiro todos os meses;
  • identificando quais são as despesas físicas que não podem ser dispensadas de maneira alguma;
  • encontrando hábitos que podem ser extremamente prejudiciais para a sua saúde financeira;
  • melhorando as tomadas de decisão para prever possíveis problemas financeiros e evitar o endividamento;
  • conquistando todos os objetivos que foram traçados e possuem relação com as finanças;
  • estudando o mercado e definindo melhor os seus produtos financeiros.

Como dividir o orçamento familiar

Não há uma regra que, de fato, possa se encaixar no planejamento familiar. Isso porque cada lar possui uma realidade diferente e, mesmo que os números façam parte de uma ciência exata, não há como prever os gastos de cada um e dar uma fórmula que se encaixe em todos os ambientes.

planejamento-financeiro-familiar

Por isso, é importante separar cerca de 50% das suas economias para as receitas básicas fixas. Em seguida, 15% da renda total da família deve ir para o pagamento de dívidas. Por fim, cerca de 35% da sua renda poderá ir para os gastos não essenciais, que estão diretamente relacionados com o estilo de vida dos familiares.

Planejamento financeiro familiar em passos

Está pensando em implementar o planejamento financeiro familiar na sua casa? Então saiba que tomou uma ótima decisão. Quanto mais todos os membros da casa começarem a se integrar com a realidade monetária, melhor será para conseguir eliminar despesas e hábitos nocivos.

Se você ainda não sabe por onde começar, não se preocupe. Abaixo, será possível encontrar um passo a passo bem detalhado para que seja possível reestruturar a sua vida financeira e, consequentemente, conseguir fazer uma reserva de emergência ou, até mesmo, investir.

Identifique os gastos

Independente de qual seja o volume de gastos, é necessário que eles sejam anotados. Assim, quando a conta chegar no final do mês, você saberá exatamente o porquê de aqueles valores estarem impressos na fatura. Lembre-se, também, de anotar as despesas básicas fixas.

Dessa maneira, será possível fazer com que todos da família tenham uma noção de para onde está indo todo o montante reunido. Além disso, também é possível se planejar para encontrar possíveis fugas e conter os gastos desnecessários. Fazer esse levantamento detalhado por 2 ou 3 meses ajudará bastante.

Instaure metas

Após definir com a sua família, e ter conhecimento de todos os gastos mensais, está na hora de começar a traçar algumas metas. Veja o que pode ser cortado para que um determinado valor possa sobrar. Há quem prefira investir o valor restante para conseguir duplicar, ou até mesmo triplicar, a renda mensal.

Quando você consegue definir objetivos concretos para o seu planejamento financeiro familiar, será possível transformar isso em um hábito. Dessa maneira, todos os meses a sua família estará acostumada com o gesto e não irá parecer um sofrimento guardar um pouco mais de dinheiro após pagar todas as contas.

Controle o dinheiro

O planejamento financeiro em família exige organização acima de tudo. Sendo assim, é necessário que haja uma centralização do controle de gastos. Para que isso seja possível, deixe o controle com alguma ferramenta útil da internet. Muitas vezes as planilhas e aplicativos são extremamente relevantes para ajudar no processo de adaptação.

Ainda que os seus filhos sejam pequenos, eles também podem entrar no planejamento financeiro familiar. Dessa maneira, desde cedo, já podem aprender a valorizar o dinheiro e compreender que economizar é muito mais importante do que gastar com coisas desnecessárias.

Aproveite as dicas de planejamento financeiro e economize no seu imóvel com a Rottas Construtora!

COM A ROTTAS VOCÊ PODE

REALIZAR SEU SONHO