Dúvidas sobre: Dúvidas de Cliente

  1. Nosso horário de atendimento é das 08:00 às 18:00 de segunda a sexta-feira.

  2. Você pode acompanhar a obra por meio do Portal do Cliente, lá você pode ver fotos e percentual de evolução, que são atualizados mensalmente para você. Além disso você encontra vídeos de evolução de obra em nosso canal do YouTube e também nas nossas Redes Sociais.

  3. O Portal do Cliente é uma solução pensada para trazer mais autonomia e agilidade no seu dia a dia. Lá você tem acesso ao seu contrato, manual de proprietário, fotos e vídeo de evolução de obra, avisos, extrato financeiro, acesso aos boletos pagos e a pagar e muito mais.

    É só enviar uma mensagem via WhatsApp para o número 41 9 98720555 que ajudaremos você a acessar.

  4. Para solicitações de reparos, você deve verificar no seu Manual do Proprietário as garantias oferecidas e o prazo. Então, basta enviar uma mensagem para o WhatsApp 41 9 98720555 descrevendo o problema, se possível, com fotos. O prazo para a equipe técnica realizar a visita técnica é de até 10 dias úteis.

  5. No Portal do Cliente você encontra seu extrato financeiro, e também tem acesso aos boletos pagos e a pagar. É importante saber que mesmo que o boleto esteja vencido, você ainda consegue pagar ele por mais 30 dias, sem precisar mudar a data do boleto.

  6. Para renegociações, você pode entrar em contato diretamente com o nosso setor financeiro através do WhatsApp (41) 3020-7711.

  7. O contrato de promessa de compra e venda com a Rottas você consegue online, no Portal do Cliente.

  8. Se você já recebeu as chaves da sua unidade, o Manual do Proprietário estará em seu Portal do Cliente.

  9. A planta humanizada é entregue no momento da assinatura do contrato. As plantas elétrica e hidráulica são disponibilizadas ao Síndico, depois da entrega de chaves.

  10. Os juros de obra são cobrados pelo banco no qual o financiamento foi contratado.
    Esses juros são consequência do empréstimo que o comprador faz com o banco para que o empreendimento seja financiado. O valor é proporcional à evolução da obra.

  11. Ao assinar o contrato com uma construtora, o comprador de um imóvel na planta, via financiamento, adquire uma pequena fração do terreno onde seu imóvel será construído, também chamada de fração ideal do terreno.
    Os juros de obra são cobrados em cima dessas frações. Por isso, conforme a obra evolui, os valores crescem também. Esse é o motivo pelo qual os juros de obras também são chamados de taxa de evolução de obra.
    Ou seja, o valor aumenta conforme a obra evolui, pois, o cálculo que o banco faz é sobre o andamento da obra.

  12. A entrega de chaves é realizada assim que todas as vistorias dos imóveis são concluídas pelos proprietários.
    É importante estar em dia com os pagamentos para o recebimento das chaves.
    Geralmente é feito um evento para todos aqueles que compraram no mesmo empreendimento e a entrega é feita em um único dia.
    Caso tenha passado o dia do evento e você não recebeu sua chave ainda, basta entrar em contato pelo WhatsApp (41) 99872-0555 para mais informações.

  13. Essa é a primeira fase da entrega da obra.

    Alguns meses antes da entrega de chaves, nós convocamos os proprietários para que possam vistoriar suas casas.

    Antes de você fazer a sua vistoria, nossa equipe de qualidade passa por todas as unidades para garantir que todas estejam de acordo com os projetos e com o padrão Rottas.

    Assim que sua unidade for aprovada você já é convidado para realizar a vistoria.

  14. Via de regra, não.
    Modificações na casa tais como reforma ou alterações que comprometam ou que altere o resultado previsto em projeto para a residência, acarreta na perda de garantia da casa.
    Você pode verificar os fatores que podem resultar na perda das garantias no Manual do Proprietário.

  15. Você pode consultar no seu Manual do Proprietário, lá estará descrito um passo a passo de como fazer essas solicitações.

  16. Todas as parcelas são atualizadas mensalmente pelo INCC-M (Índice Nacional da Construção Civil), que é um índice de atualização divulgado todos os meses, desenvolvido pelo Instituto de Economia para monitorar a evolução dos preços de materiais, serviços e mão-de-obra destinados a construção de residências no Brasil.
    A atualização do INCC-M é prevista em contrato (cláusula 4.2) e é cobrado pois a obra está sujeita a mudanças nos custos dos materiais que serão utilizados e, assim, o INCC é utilizado para que haja o devido reajuste do saldo devedor no decorrer dessa fase.
    Após a conclusão da obra, as parcelas existentes (parcelas pós obra) serão reajustadas pelo IGP-M.

  17. Todas as parcelas são atualizadas mensalmente pelo INCC (Índice Nacional da Construção Civil), inclusive o balão. Ele é atualizado desde o momento da assinatura do contrato até o momento do pagamento.

Girl Rottas

AINDA TEM
ALGUMA DÚVIDA?

Fique à vontade
para perguntar.